Pastor quer Dilma Rousseff em parceria com a Igreja contra o crack


A presidenta Dilma Rousseff e os ministros da Saúde, Alexandre Padilha, e da Justiça, José Eduardo Cardozo lançaram ontem um conjunto de ações integradas do governo federal para enfrentar o crack e outras drogas.
O nome dado ao programa é 'Crack, é possível vencer' e prevê um investimento de 4 bilhões de reais.
O pastor Joel Engel acredita que o motivo de tais programas de luta contra as drogas irem à falência, é o fato de atacarem o efeito e não a causa do problema. “É como cortar os frutos e deixar a árvore que logo volta a dar frutos”, compara.
Engel sabe que por trás do vício existe a força espiritual negativa que tenta principalmente os jovens. "Somente o poder de Deus pode libertar o viciado".
Por esses motivos, o pastor que já lançou a campanha 'Drogas não, Jesus sim', enviou à presidenta Dilma Rousseff a proposta de aliança entre Igreja e Governo no combate ao crack.
A mesma proposta já foi feita ao Governador Tarso Genro (leia aqui), do RS, e enviada e políticos como Magno Malta e Marco Feliciano.
Joel Engel tem experiência na luta contra as drogas e tem sido tocado pelo Espírito Santo a tentar o apoio de governantes às organizações que não têm condições suficientes para desenvolver o trabalho.
"Deus está entregando a chave para igreja evangelizar. Agora é entrar nos palácios dos governos e proclamar a Palavra de Deus', exclama o pastor.
Fonte: Assessoria

Via: www.guiame.com.br

jovensqueoram.blogspot.com

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A UNIÃO ENTRE OS IRMÃOS

O Conflito entre Israel e os Palestino à Luz da Bíblia

Mateus 6:16-18