30.7.10

Odorico Paraguassu, Deus e as eleições 2010

Se hoje pensamos em um dos candidatos para presidência da república, veremos que não há mais nada novo à oferecer pelos políticos hodiernos. Qualquer campanha já nasce problemática, pois nenhuma novidade será mais redentora, antes a promessa está em baixar todo e qualquer índice de problemas endémicos, isto é, a política será sempre paliativa e jamais resolverá as necessidades sociais, é como abrir uma conta em um banco com milhões em vermelho, e tentar cobrir com algumas moedas mensais, deixando sempre um saldo devedor histórico para o governo seguinte. Política é o novo ópio do povo. É a arte da ilusão no exercício do governo.

De qualquer forma, caminhamos para o cumprimento da profecia do personagem de Odorico Paraguassu, que tinha como vedete de campanha, a construção de um cemitério na telenovela O Bem Amado, e ele fazia de tudo para que seus eleitores usufruíssem da obra. Enfim, ele administrava uma política de morte. E é essa a política que vamos ver nestas campanhas.

Mas não se desespere! O mundo caminha para a reta final, e não importa muito o político que lá colocarmos, pois ele(a) concordará com os ditames globais de economia, educação, políticas públicas e saúde. Mas Deus continua soberano sobre os governos mundiais, e a escolha de nossos votos não representa apenas e tão somente o exercício pleno da democracia, mas nossa escolha é na verdade a escolha de Deus, a Bíblia diz que ninguém assume um posto de autoridade, se o Senhor não o colocar lá (Rm 13:1).

Dentro do pensamento reformado, qualquer atividade humana só possui pleno sentido por estar de acordo com a vontade soberana de Deus. E a bíblia, nos confirma que o desfecho final e escatológico da história humana, se dará com um tirano outorgado pelo próprio Satanás em um governo mundial e autoritário e me parece que ele fincará seu trono através deste mesmo voto democrático. Até lá, só nos resta orar e pedir que Deus ilumine a mente daquele que se assentar no trono de autoridade do Brasil.

Bruno dos Santos é Diretor do VidaSat Comunicações, Coordenador Geral da CIA (Coalizão das Igrejas Apostólicas) e pastor da Igreja Vida Nova em São Paulo. Escritor e Conferencista, é formado em Teologia com especializações em Novo Testamento e Liderança. Casado com Silvia Regina, é pai do Lucas, da Laís e da Ana Luiza


Fonte:

Igrejas evangélicas se multiplicam e ameaçam hegemonia católica

Em El Salvador, evangélicos já são mais de 38%. O Brasil já disputa com Alemanha, África do Sul e Nigéria, o terceiro lugar no ranking dos países com mais protestantes do mundo.

O protestantismo avança na América Latina. Não há estatísticas consolidadas, mas em El Salvador, segundo uma recente pesquisa do Iudop (instituto ligado à Universidade Centro-americana, jesuíta), os que se declaram protestantes hoje representam mais de 38% da população - em 1988 eram apenas 16%. E no resto do continente, com exceção do México, pelo menos uma em cada dez pessoas é protestante. Em alguns casos, como na Guatemala, se anuncia que o país será em breve majoritariamente evangélico.

Embora na América Central a tendência seja pronunciada, os dados também falam por si mesmos ao sul do Panamá. Até 1960, no Brasil os protestantes sempre haviam se mantido abaixo de 5%. Mas nos anos 90 a proporção passou de 9% para 15,4%. E hoje, com cerca de 30 milhões de evangélicos, os brasileiros disputam com Alemanha, África do Sul e Nigéria o terceiro lugar no ranking dos países com mais protestantes do mundo, liderado por EUA e Reino Unido.

Fonte: El Pais

Passo a passo

Site do juca Kfouri

Dilma diz que é 'a favor da vida' em evento com evangélicos

Do G1, em Brasília

Dilma RousseffO pastor e deputado federal Manoel Ferreira e a
candidata do PT à Presiencia da República, Dilma
Rousseff (Foto: Roberto Stuckert Filho/Divulgação)

A candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, disse no último sábado (24) em um evento com evangélicos de 15 igrejas na Catedral da Assembleia de Deus, em Brasília, que é a favor da vida. O encontro com lideranças ocorreu na semana em que o bispo de Guarulhos (SP), dom Luiz Gonzaga Bergonzini, pregou boicote à campanha da petista, que segundo ele, é favorável à descriminalização do aborto.

"Eu sou a favor da vida, da preservação da vida em abundância", disse Dilma diante da plateia de evangélicos de várias regiões do país. Ela completou também dizendo que é "a favor da melhoria da vida das pessoas". Durante a pré-campanha, Dilma já havia participado de um culto da Assembleia de Deus em São Paulo


MARINA DEFENDE DEBATE PELA MACONHA

Marina Silva, candidata à Presidência pelo PV, defendeu em Natal, durante o cumprimento de sua agenda eleitoral, um debate sério em relação a legalização da maconha. A declaração surge diante da realização da Marcha pela Maconha que acontece nesta sexta-feira (30) ás 16h em Natal. Em entrevista concedida a emissoras locais, a candidata disse que respeita as opiniões do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e do deputado Fernando Gabeira (PV-RJ), que são favoráveis à legalização, mas assim como na questão do casamento gay, ela é contra. "Eu nunca tive nenhuma atitude de discriminação", afirmou.

Informações do Bahia Notícias

29.7.10

Evangélica, Marina defende direitos civis dos gays

Do blog de Claudio Humberto
ABr
Foto
MARINA SILVA

A candidata à Presidência, Marina Silva (PV), reafirmou nesta quinta (29) que é contra o casamento gay. A declaração foi durante um encontro entre pastores em Bauru (SP). Na ocasião, Marina, que é evangélica, foi questionada ainda sobre a sua opinião em relação ao aborto. O pastor André Álvares, da 4ª Igreja Presbiteriana Independente de Bauru, disse que "uma das preocupações do segmento religioso" é qual seria a posição de um eventual governo do PV sobre os temas. Marina disse que “por entender um casamento como um sacramento entre um homem e uma mulher”, é contrária, mas afirmou que defende os “direitos civis dos homossexuais”. Em relação ao aborto Marina defendeu que seja realizado um plebiscito. “Temos que fazer o debate de forma aberta, evitando as satanizações”. O pastor André afirmou ter ficado satisfeito com a resposta da presidenciável.

Por quê você escolheu crer assim?

Tudo é escolha de fé ou crença; ou de mera conveniência decorrente do fato que as coisas sejam como se diga que sejam; mas, de fato, poucas ou mesmo nenhuma das coisas que os homens digam que são importantes, foram de fato vistas por eles.

Todos andam baseados em escolhas de crenças!

No mais..., nós descremos o que o vizinho diz, o que a esposa fale, o que o irmão garanta...

Todavia, cremos que Adão veio da lama, que Eva saiu da costela dele, que Caim matou Abel porque ele era mau e Abel bom; cremos que Adão era feliz; cremos que anjos cobiçaram mulheres; cremos que Noé foi salvo na Arca; cremos que Enoque foi arrebatado; cremos que Abraão ouviu mesmo a você de Deus, e não do diabo, quando levou Isaque ao Monte Moriá; cremos que Elias subiu aos céus num redemoinho; aceitamos que as criaturas esquisitas que Ezequiel viu sobre o rio na região do atual Iraque eram anjos; cremos que Maria ficou grávida de Deus; cremos que Jesus foi tentado pelo diabo daquele jeito mesmo; cremos que o que Ele disse em particular, ao ladrão que ao Seu lado morria, foi o que foi escrito mesmo; nós cremos em tudo o que não vimos...

Cremos porque escolhemos crer...

Sim, cremos mesmo quando nenhuma dessas coisas se torna benefício da fé para nós.

E mais: em geral é uma coisa..., uma convicção..., uma experiência... — que nos faz crer no todo; e quase nunca o contrário: o todo ir nos fazendo crer nas coisas menores.

Toda hora vejo o exercício das crenças por escolha ou por choque ou trauma...

Sim, há os que escolhem uma crença; há os que crêem por choque de impotência...; e há os crêem por trauma; que pode até ser um trauma de gratidão ou admiração; assim como pode ser de frustração...

O fato é que poucos crêem porque foram escolhidos pela fé.

Entretanto, ao dizer o que acima disse, quero falar é do processo de humor que determina a crença da maioria das pessoas.

Justamente por isto é que também vejo que quase tudo o que se chama fé, não passa de acordo afetivo, social ou de refugio para o cansaço psicológico...

E mais:

A maioria escolhe a crença em razão do que seja aceitável socialmente, ou, então, em razão da necessidade de ruptura psicológica com algo.

Todavia, a fé que a gente escolhe... ainda não é fé.

A verdadeira fé escolhe a gente de modo arbitrário.

Eu não vi nada do que creio de modo essencial para a vida.

Por duas vezes já vi Óvnis, mas nenhuma das visões se me tornou nada essencial na vida...

Ver não muda nada, a menos que o que se não viu se torne uma visão na mente!...

Assim....

Não ouvi Abraão ouvir a voz de Deus; não vi Noé fazer a Arca; não flagrei Enoque sendo arrebato; nem Elias ser levado ao céu; não ouvi a conversa insólita de perdão entre Jesus e o malfeitor arrependido — mas, apesar disso, sem escolha, fui escolhido para crer; como quem foi uma testemunha de tudo.

É por esta razão que se diz que a fé não é de todos!...

O que a gente sempre tem que ver é se a nossa fé cabe no ambiente do racional.

Se couber, creia: não é fé; é crença; é acordo psicológico; é acerto entre você e você.

A verdadeira fé não faz sentido; ela apenas dá sentido.

A verdadeira fé não é compreensão, é apenas um entendimento que transcende o entendimento, enquanto, paradoxalmente vai assentando no ser o fundamento que passa a existir apenas porque o homem aceitou não tentar criar seu próprio fundamento.

A diferença é sutil. Mas os entendidos discernirão.


Nele, que apenas nos chama com a Voz que mais facilmente as crianças ouvem,



Caio





Reflexão: Pastor Caio Fábio D'Araújo Filho é psicanalista clínico, escritor, pregador, pastor e dirigente da comunidade Caminho da Graça, em Brasília. Visite o site do pastor Caio Fábio: www.caiofabio.com

28.7.10

Chico Anysio fica revoltado com morte do filho de Cissa Guimarães: “que Deus é este?”

Humorista escreveu um texto em seu blog afirmando que casos como de Rafael Mascarenhas fazem com que ele seja ateu

Chico Anysio não conseguiu ficar quieto ao ver Rafael Mascarenhas, filho de Cissa Guimarães, morrer após ser atropelado. O humorista e amigo da atriz usou seu blog para comentar o assunto e se mostrou revoltado com o acidente.

“Mas e então? Que Deus é este que deixa que morra um menino de 18 anos, à espera de começar seu caminho na vida e deixa vivo e solto o animal que o atropelou, o débil mental que faz de um túnel uma pista de
corrida e simplesmente arranca da vida um ser bonito, jovem, ansioso por começar a viver, filho de uma mãe maravilhosa, como colega, como amiga e como pessoa?”, escreveu.

Chico cita ainda o caso Bruno, as crianças que passam fome na África e os conflitos no
Oriente Médio para dizer que essas coisas fazem com que ele seja ateu. “Deus é onisciente? Então ele sabia que o Rafael teria que morrer naquele dia, naquela hora e daquele modo. Sendo assim, meus amigos eu deixo à disposição de todos a minha parte de Deus porque se Ele tem e é tantos ‘onis’ e o mundo está como está, eu prefiro ficar sozinho”, disse.

Fonte: Abril.com

27.7.10

Físicos da Europa e dos EUA próximos de encontrar a "Partícula de Deus"

Para descobrir a partícula, os cientistas tentam recriar as condições do Big Bang, acelerando e colidindo partículas


LHC

Corredor do Grande Colisor de Hadrons, no complexo do CERN, Suíça. (Getty Images)

É como se você estivesse procurando um objeto na sua casa e soubesse que ele não está na sala, nem na cozinha e nem na área de serviço. Sobraram os quartos.

Cientistas americanos e europeus anunciaram nesta segunda-feira em Paris que ainda não encontraram a "partícula de Deus". Mas, já têm uma boa ideia de onde ela não está.

A cada nova descoberta, os cientistas sabem com mais precisão onde procurar o Bóson de Higgs, como é conhecida na Física a "partícula de Deus". Eles sabem que, caso exista, ela está no intervalo entre 115 e 200 bilhões de elétron volts (eV) — uma unidade para medir a energia ou a massa de partículas na Física. Um eV é extremamente pequeno e unidades de milhões de elétron volts, MeV ou GeV, são mais comuns. A última geração de aceleradores de partículas alcançam muitos milhões de elétron volts, representados por TeV. Um TeV é a quantidade de energia que uma mosca gasta para voar.

Agora, resultados do laboratório americano Fermilab mostram que ela não está não está no intervalo entre 158 e 175 bilhões de elétron volts. Em comparação, o próton, uma das partículas centrais da matéria, possui uma massa de um bilhão de elétron volts. É como se você estivesse procurando um objeto na sua casa e soubesse que ele não está na sala, nem na cozinha e nem na área de serviço. Sobraram os quartos.

A famosa partícula é considerada pelos teóricos a responsável por atribuir massa à matéria. Se os cientistas a encontrarem, isso quer dizer que o Modelo Padrão da Física está correto. Mas, se conseguirem provar que ela não existe, será preciso pensar em uma forma de explicar a natureza completamente diferente do que temos agora.

Para descobrir a partícula, os cientistas tentam recriar as condições do Big Bang, durante a formação inicial do universo, acelerando e colidindo partículas entre si. Com isso, é possível estudar os restos das explosões e identificar como se deu o processo de formação de tudo que existe hoje. Atualmente, existem dois aceleradores de partículas no mundo que estão empenhados nessa descoberta: o americano Fermilab e o europeu LHC, ou Grande Colisor de Hadrons.

Físicos trabalhando no Fermilab na última década reuniram dados de mil trilhões (um, seguido de 15 zeros) de colisões de prótons e antiprótons procurando por sinais do Bóson de Higgs. Com os novos resultados, ficou mais fácil descobrir, se ela existir, onde a partícula está se escondendo.

Mas o Fermilab não é o único na caça pela partícula de Deus. Pesquisadores do europeu LHC, mais poderoso acelerador de partículas do mundo e que atualmente opera com metade da sua capacidade, disseram que já identificaram todas as partículas da Física atual, abrindo caminho para as novas partículas, incluindo o Bóson de Higgs. É a primeira vez, por exemplo, que o Top Quark, uma das partículas fundamentais do Modelo Padrão da Física, é identificada fora dos EUA.

A ideia é que o LHC chegue em sua potência máxima até 2013. Quanto mais energia, disseram os cientistas, mais eles se aproximam do Big Bang.

Fonte: Veja

Poucos americanos dizem que a fé é sua prioridade principal

Embora os Estados Unidos sejam conhecidos mundialmente como sendo um país religioso, poucos Americanos dizem que a fé é a prioridade principal de suas vidas.

Aproximadamente 90 por cento dos Americanos, de acordo com o CIA World Factbook, se identificam com a religião. Porém, apenas 12 por cento dos Americanos adultos dizem que a fé é a prioridade principal de suas vidas, de acordo com um novo estudo apresentado segunda-feira pelo Grupo Barna.

Aproximadamente três quartos da população Norte-americana é Cristã.

“A distância é grande entre aqueles que se auto descrevem afiliados ao Cristianismo e os que declaram a fé sua mais alta prioridade,” comentou David Kinnaman, presidente do Grupo Barna, em um comunicado. "Quando se trata de por que a religião americana parece tão meramente superficial, este defasamento entre o que as pessoas chamam a si mesmos e o que priorizar seja talvez o mais revelador."

Os 12 por cento que dizem que a fé é a maior prioridade em sua vida foi acima de nove por cento em 2008, mas abaixo de 16 por cento em 2006.

Olhando para a demografia da fé cristã, os evangélicos são os mais propensos a dizer que a fé é a maior prioridade na vida (39 por cento), enquanto os católicos são os menos prováveis (quatro por cento), de acordo com o estudo do Barna.
Notadamente, o estudo destaca que a porcentagem de católicos que dizem que a fé é a prioridade em sua vida é apenas ligeiramente superior que a dos adultos "sem Igreja" (dois por cento).

Aproximadamente um em cinco protestantes (18 por cento) e fiéis (18 por cento) - cuja freqüência de comparecimento à igreja não foi definido - dizem que a fé é a maior prioridade em sua vida.

O estudo Barna, realizado de 27 janeiro a 2 de fevereiro, utilizando uma amostra aleatória de 1.006 adultos americanos, buscou-se identificar a forma como a problemática da economia tem impactado as prioridades dos Norte-americanos.
De longe, a mais alta prioridade para os Norte-americanos é a família. Quarenta e cinco por cento dos Norte-americanos dizem que sua família é o aspecto mais importante em sua vida.

A segunda prioridade mais importante é a saúde / lazer / estilo de vida equilibrado (20 por cento), seguido pela riqueza / profissão / ganhar dinheiro / sucesso / finanças (17 por cento), e da fé (12 por cento).

Fonte: christian post

26.7.10

Igreja frequentada por Kaká organiza competição de lutas em São Paulo

Pastores da Renascer transformam torneio em grande culto para atrair novos fiéis; no octógono, xingamentos aos adversários estão proibidos

Por João Gabriel Rodrigues São Paulo


Luis Gustavo Rodrigues, o Buda, não vai à igreja. Aos 24 anos, o jovem paulista, morador do bairro de Vila Sílvia, na Zona Leste de São Paulo, trabalha em uma empresa de Tecnologia de Informação e se empenha, no tempo livre, nas aulas de artes marciais. Na noite da última sexta-feira, porém, ele foi até a sede de Osasco da Igreja Apostólica Renascer em Cristo, que tem como um de seus mais ilustres fiéis o craque Kaká, do Real Madrid. O objetivo não era se converter. Convidado, ele ia disputar sua primeira luta profissional na categoria Muay Thai do Reborn Fight II, competição organizada por membros da congregação evangélica.

Confira uma galeria de fotos da competição na Igreja Renascer!

Vale Tudo Igreja Renascer
Buda (de short camuflado) sobe ao ringue no evento em Osasco (Foto: Marcos Ribolli / Globoesporte.com)

Buda confessa que estava nervoso no momento que subiu no ringue. Antes da luta, no entanto, um amigo puxou o grito de “Gordinho” e logo a maioria das quase mil pessoas que assistiam ao evento estava do seu lado. Incentivado, Luis se mostrou incansável e foi declarado vencedor moral do confronto, apesar do resultado oficial dos juízes ter sido o empate.

Vale Tudo Igreja Renascer
Buda não frequenta a igreja, mas lutou no evento
(Foto: Marcos Ribolli / Globoesporte.com)

Depois da luta, o jovem posou para fotos com os amigos, foi cumprimentado pela torcida e dizia não acreditar no que tinha feito. “Ele tinha o braço pesado”, afirma, sobre o seu oponente. Buda diz não se importar com o fato de sua estreia nos ringues ter sido dentro de uma igreja. Ele diz não ser frequentador por causa das histórias que costuma ouvir, como a do casal fundador da Renascer, preso em 2007 nos Estados Unidos com US$ 56 mil não declarados. Mesmo assim, elogiou a organização do “Reborn Fight”.

- Achei muito bonito. Não venho por causa dos “esquemas” que a gente sabe que acontece. Mas isso aqui foi muito bacana. Tem uma estrutura muito boa – disse Luis, que conta com a ajuda de seus amigos de academia para poder treinar.

A estrutura montada para o evento realmente era impressionante. No centro do local onde são realizados os cultos da igreja, foi erguido um imenso ringue, com o padrão do octógono usado no UFC, maior competição de luta livre do mundo. No altar, um DJ tocava músicas eletrônicas para o público Esta foi a segunda vez que Osasco sediou um torneio de artes marciais da Renascer – a outra foi em fevereiro deste ano. No total, já foram nove edições.

Nesta sexta-feira, a escala de lutas contava com 26 nomes, entre homens e mulheres, mas uma atleta não compareceu. Apenas três lutadores eram membros da sede de Osasco. A grande maioria veio de outras congregações ou, então, não fazia parte da Igreja. Um dos organizadores do evento, o pastor Douglas Vieira, ou Dogão, como é conhecido, admite que o maior objetivo é atrair fiéis para a religião.

- Existem pessoas que nunca pisariam em uma igreja se não fosse pelo evento. A grande maioria vem pelo trabalho que a gente faz. E, depois, acaba ficando. Quem teve a ideia já era lutador. Então, está no sangue. É o desejo de usar a luta para rebanhar fiéis. Temos uma convocação agressiva no nosso nicho.

Vale Tudo Igreja Renascer
Dogão prega para os lutadores dentro do octógono (Foto: Marcos Ribolli / Globoesporte.com)

Para que a estratégia funcione, Dogão e outros membros da igreja, como o Bispo Kleber Falcone, transformam o evento em um imenso culto. Antes do início da competição, os dois reúnem os lutadores para fazer a chamada e uma oração, sempre pedindo o respeito entre eles. Depois, na apresentação em cima do ringue, o pastor faz uma nova pregação, desta vez convocando o público. Pede para que todos tenham calma e que os ânimos se esquentem apenas sobre o tatame. O pedido é para que não aconteça o que é comum nos eventos de luta livre ao redor do mundo, com brigas entre as torcidas.

Ingressos a R$ 15 e patrocinadores prestigiados

Para assistir o evento, cada pessoa paga R$ 15. Dogão explica que o objetivo não é arrecadar dinheiro para a Igreja, mas arcar com todos os gastos da estrutura. Para isso, também conta com uma série de patrocinadores, que são chamados após o término de cada luta para entregarem os troféus ao vencedor e ao perdedor do combate.

Além do prêmio, cada lutador recebe uma quantia simbólica em dinheiro, não revelada pelo pastor. No ringue, estão proibidos xingamentos e ofensas aos adversários. Ao contrário das lutas oficiais, na categoria MMA (artes marciais mixadas, em inglês), também não são permitidos socos no rosto quando o rival estiver caído no chão, nem cotoveladas.

Vale Tudo Igreja Renascer
Funcionários dão os últimos retoques no ringue
(Foto: Marcos Ribolli / Globoesporte.com)

Os organizadores garantem que não costuma haver casos de lutadores da igreja envolvidos em brigas nas ruas. Para o Bispo Kleber, a filosofia ensinada nas artes marciais é posta em prática também na vida particular de cada um de seus atletas.

- Nós pregamos a consciência, tanto fora quanto dentro do ringue. Não tem nada a ver essa imagem que as pessoas têm de que o lutador é um “bad boy”. A filosofia é outra. No esporte, assim como na vida, temos que ter disciplina, respeito e outros valores. O espírito daqui consegue ligar o esporte à igreja. A luta é muito desvalorizada no Brasil, apesar de o país ser um de seus grandes incentivadores, através da Família Gracie. Falta consciência. A luta pode salvar muita gente. É respeito, não exige nada de violência. Quer brigar, não vai fazer na rua, vai fazer no tatame.

Membro da igreja na sede de Alphaville, Jorge Luis Bezerra, o Michelan, foi um dos que encontraram na luta uma forma de sair da marginalidade. Depois de seu combate, do qual saiu perdedor, o lutador pediu a palavra no ringue e, em uma espécie de testemunho de vida, declarou ter sido usuário de drogas, mas disse que hoje estava bem. Com o filho Levi, de 1 ano e quatro meses, nos braços, ele elogiou a iniciativa do evento.

- O objetivo não é arrecadar dinheiro. Muita gente critica sem saber. Nosso objetivo é Deus, é resgatar essas vidas para Cristo. É um esporte impactante para quem não conhece as regras, mas quem passa a conhecer, vê que não é assim – disse Michelin, que, além do filho, levou a mulher para vê-lo no ringue.

Vale Tudo Igreja Renascer
As mulheres da igreja ajudam na organização do evento (Foto: Marcos Ribolli / Globoesporte.com)

Damaris Batista, a Gringa, foi uma das quatro mulheres inscritas na competição. É também uma das maiores defensoras do ensino de lutas na igreja.

- Antes, meu paradigma era rígido quanto à igreja. Depois, percebi que não era assim. Quando a gente não cuida do templo, vai contra as regras de Deus. As pessoas olham para mim e criticam por ser lutadora. Mas, quando dou meu testemunho de vida, as pessoas querem fazer igual a mim.

O Pastor Dogão, no entanto, confessa que a ideia não foi bem aceita pelos membros de início. Agora, porém, afirma que todos elogiam, tanto que já está previsto um novo “Reborn Fight”, para fevereiro do ano que vem.

- Um ou outro estranhou no início. Mas é um esporte que está ganhando espaço no mundo inteiro. Tem gente que acha diferente, mas o que importa é ganhar vidas para Jesus Cristo. Quando perceberam isso, aceitaram bem.

Fonte: globoesporte.com

24.7.10

RIOS DE ÁGUA VIVA






“Quem crer em mim, como diz a Escritura, do seu interior fluirão rios de água viva”. 
Jo 7.38

Jesus deixa claro que ele mesmo é a fonte das águas vivas. Fora dele não há vida abundante. Nenhuma religião pode dar vida; só Jesus tem esse poder. Fora de Cristo não há salvação. 
Só ele tem as palavras de vida eterna. Nenhum credo ou sacramento pode nos salvar.

A salvação não é resultado do esforço humano nem de obras, mas de um encontro transformador com Cristo. Quem tem o Filho de Deus tem a vida, quem não tem o Filho não tem a vida.

Além disso, Jesus não convida apenas para conhecer a água do ponto de vista intelectual, mas para beber da água. Somente quando sorvemos a água é que podemos saciar a nossa sede. Não basta conhecer sobre Jesus, é preciso conhecer a Jesus. Muitas pessoas pensam que o importante é ter uma religião.

Contudo, sem um relacionamento pessoal com Cristo ninguém pode ser salvo. Jesus é a água da vida. Quem beber desta água nunca mais terá sede, pelo contrário, terá dentro de si uma fonte que jorra para a vida eterna.

Ore


Pai santo, não quero me julgar justo diante de ti pelas minhas obras, méritos ou religiosidade. Quero matar minha sede nessa bendita fonte chamada Jesus Cristo. Nele eu oro. Amém.

Pense


A vida cristã é o mais extraordinário projeto de vida, é vida maiúscula, abundante, eterna.

Vaticano critica artigo sobre "noites selvagens dos padres gays" em Roma

O Vaticano acusou uma revista italiana de provocar um escândalo e desacreditar a Igreja Católica ao publicar nesta sexta-feira uma reportagem sobre sacerdotes homossexuais.

Destaque na capa do semanário "Panorama", de tendência conservadora, o artigo intitulado "As Noites Selvagens dos Padres Gays" diz que padres da capital italiana teriam uma vida dupla ao rezar missas pela manhã e frequentar festas e ambientes homossexuais à noite.

Durante 20 dias um repórter, cujo nome não foi publicado pela revista, percorreu bares e discotecas romanos frequentados por homossexuais. Com uma câmera escondida, ele documentou o comportamento dos supostos sacerdotes, inclusive durante relações sexuais.

Algumas das fotos foram publicadas para ilustrar o artigo, que traz declarações de sacerdotes e seminaristas cuja identidade foi mantida em sigilo.

Segundo o artigo, um dos pontos de encontro dos padres homossexuais da capital seria a discoteca Gay Village, onde um seminarista teria declarado ao repórter que "a Igreja pesca os próprios filhos no ambiente homossexual".


Quanto custam os filhos?

Réplica do Templo de Salomão deve custar R$ 200 milhões

A sede mundial da Igreja Universal terá 12 andares, 2 subsolos e capacidade para 10 mil pessoas sentadas. Ocupará uma área de 23.194 metros quadrados e está orçada em R$ 200 milhões. Será uma réplica exata do Templo de Salomão e para erguê-la já foram comprados 24 imóveis na Celso Garcia, na João Boemer e na Júlio César da Silva. Muitos foram demolidos. Sobraram apenas as paredes de frente para a via pública que servem para cercar o terreno.

Mas há ainda um prédio e algumas poucas casas que não foram compradas pela Universal. Hoje, o terreno é utilizado como estacionamento para funcionários e frequentadores de outra igreja da Iurd, que fica na Avenida Celso Garcia.

Macedo. Em seu blog, o fundador da Universal, Edir Macedo, diz que o novo Templo de Salomão terá 126 metros de comprimento e 104 metros de largura e vai "superar o maior templo da Igreja Católica" de São Paulo, a Catedral da Sé. Entretanto, as torres da Sé chegam a 93 metros de altura, com 111 metros de comprimento e 46 metros de largura (veja abaixo). O prédio da Universal terá 55 metros de altura.

Para o blog de Edir Macedo, o arquiteto responsável, Rogério Silva de Araújo, disse que o novo empreendimento "é arrojado" e empregará "tecnologia de ponta para que, quando as pessoas entrem no local, viajem pelo tempo e sintam-se como se estivessem no primeiro templo construído por Salomão". Procurada, a direção da IURD não se pronunciou a respeito da obra.

O complexo contará com 36 escolas bíblicas com capacidade para 1,3 mil crianças, lojas, estúdios de rádios e televisão, um auditório para 500 pessoas, além de um amplo estacionamento para mais de 1,5 mil veículos. Segundo o projeto, serão utilizados materiais reciclados e regionais de alta tecnologia para proporcionar o uso racional de energia elétrica, além da reutilização de água.

Está previsto um memorial na área externa, com 250 metros quadrados. Esse local deverá ser usado como espaço para exposições e eventos. "Começando pela fachada, passando pelo átrio e chegando internamente na nave, criamos uma visão de maneira a remeter as pessoas ao passado. Para tanto, estamos valendo de toda tecnologia de ponta associada ao bom senso na arquitetura de maneira a não criar este choque de épocas", comentou o arquiteto.

Ouro. Macedo escreveu ainda que "o local não será de ouro, mas as riquezas de detalhes empregados em cada parte do templo serão muito parecidas com os do antigo santuário".

Fonte: ESTADÃO

A onda dos seminários on-line


Do CristianismoHoje
A educação on-line está surpreendendo os seminários com o engajamento crescente e rápido Por John W. Kennedy Shawn Cossin completou seu bacharelado em educação Cristã no Wheaton College em 1993. Depois disso, tornou-se comandante da polícia no exército americano. Finalmente, retornando a sua nativa Pensilvânia, Cossin tornou-se um policial estadual – e um jovem pastor na [...] Continuar Lendo

23.7.10

Líderes religiosos da Malásia condenam uso de camisas da seleção brasileira

AFP
Imãs dizem que muçulmanos não devem vestir roupas com imagens da cruz cristã

ReproduçãoFoto Reprodução
Imagem da cruz no símbolo CBF levou líderes religiosos muçulmanos
a condenar uso da camisa da seleção brasileira na Malásia


Vários imãs (líderes religiosos) da Malásia disseram nesta quarta-feira (21) que os muçulmanos não deveriam vestir a camisa da seleção brasileira de futebol, assim como as de outras seleções e clubes, por que os uniformes exigem imagens da cruz cristã, fato que supostamente contraria a religião islâmica.

Para os religiosos, as camisas de Portugal, Sérvia, Noruega e do clube espanhol Barcelona deveriam ser proibidas pelo mesmo motivo.

Outra camisa condenada é a do clube inglês Manchester United, por causa da imagem do diabo vermelho, símbolo do time, que tem seus jogadores chamados de "red devils".

Nooh Gadot, um imã influente do Estado de Johor, sul da Malásia, disse à agência France Presse que os uniformes são "perigosos".

- É muito perigoso. Somos muçulmanos e não deveríamos idolatrar os símbolos de outras religiões ou do diabo.

Para Gadot, não há razão alguma para que muçulmanos da Malásia vistam as camisas, ainda que por motivos esportivos.

- É algo que desequilibra a nossa fé. Como muçulmanos, não há razão alguma para usarmos essas camisas, mesmo que isso seja feito por razões esportivas ou estéticas. Mesmo que seja um presente, temos que rejeitá-lo.

O imã, afirmou, no entanto, que não existe uma "fatwa" (orientação legal feita por um especialista na lei islâmica) contra as pessoas que vestem essas camisas.

Harussani Zakaria, outro imã do Estado de Perak, no norte do país, tem a mesma opinião, e citou a camisa do Manchester United como exemplo.

- Parece evidente que o Islã não autoriza o uso desse tipo de roupa. Os diabos são nossos inimigos. Para que então exibirmos sua imagem ou fazermos publicidade?

22.7.10

Nenhuma religião evita divórcios, aponta pesquisa

O que Deus uniu o homem separa. Um cruzamento entre dados de estado conjugal e religião realizado pelo Nepo (Núcleo de Estudos de População) da Unicamp mostra que a fé não segura casamentos. A informação é da reportagem de Hélio Schwartsman publicada na edição desta quinta-feira da Folha (íntegra somente para assinantes do jornal ou do UOL).

De acordo com o texto, a proporção das mulheres separadas, desquitadas ou divorciadas de cada igreja é muito similar à distribuição das crenças pela população. Segundo a pesquisadora Joice Melo Vieira, que cruzou os dados, estudos no Brasil e no exterior mostram que a preocupação é estar em relações satisfatórias. Como a separa


Fonte: Folha