30.10.13

Casarão de Tertuliano Guedes de Pinho será reformado.

O Instituto do Patrimônio Artístico e Histórico Nacional (IPHAN), vai iniciar a reforma do casarão do Coronel Tertuliano Guedes de Pinho, no Loteamento Granjas Unidas Tertuliano Guedes de Pinho no bairro Mangabinha. O Instituto abriu processo licitatório para contratação de empresa especializada para a realização do projeto de restauração/reconstrução do referido casarão.

O Presidente da FICC, professor Roberto José da Silva comemora e ressalta a importância da restauração deste patrimônio de Itabuna, pois, “precisamos resgatar nossa história retomando o passado sob a prospectiva de questões presentes, pois nossa cidade é extremamente carente de equipamentos culturais dessa natureza”.

Segundo o professor Roberto José, ao ser analisada a nossa história nos deparamos com o que os homens foram e fizeram e isso nos ajuda a compreender o que podemos ser e fazer. Para ele, assim, a história é a ciência do passado e do presente, por isso, as informações recolhidas no passado não servirão ao presente se não forem recriadas, questionadas, compreendidas e interpretadas. Com informações Ascom FICC

26.10.13

Marina Silva diz ser favorável à união civil gay; Marco Feliciano critica: “Eu avisei”

Declarações feitas pela ex-senadora Marina Silva (PSB), durante entrevista na última segunda-feira ao programa Roda Viva, exibido pela TV Cultura, causaram polêmicas entre cristãos.
Entre os assuntos tratados em 1h30 de programa, Marina falou sobre suas bandeiras políticas, os desafios para as próximas eleições, e também sobre questões sociais ligadas diretamente à fé cristã, como o casamento entre pessoas do mesmo sexo e a criação do mundo versus a teoria da evolução.
Questionada se seria adepta ao criacionismo em detrimento da teoria da evolução, Marina Silva esforçou-se para explicar seu ponto de vista: “Eu não sou criacionista. Isso foi um criacionismo que criaram para mim. Eu não preciso justificar cientificamente a minha fé. Acredito que Deus criou todas as coisas, inclusive as contribuições trazidas por Darwin”, disse, ressaltando sua crença.
A mesma postura já havia sido adotada por Marina em recente entrevista especial ao jornalista Jô Soares, em seu programa na TV Globo. Na ocasião, a missionária assembleiana afirmou que o conhecimento obtido pela ciência através das teses elaboradas por Darwin eram uma contribuição permitida por Deus, criador de todas as coisas.
O criacionismo é um movimento que se propõe a ser uma rejeição à teoria da evolução, e foi criado por lideranças religiosas para combater as propostas de Charles Darwin. Muitos cristãos abraçam o criacionismo como uma bandeira, e embora a fé cristã sustente que Deus criou todas as coisas, como ressaltou Marina, não existe uma doutrina que obrigue a todos os fiéis a aderirem ao movimento.
Casamento gay
Marina Silva afirmou ser favorável ao direito de casais homossexuais celebrarem sua união no âmbito civil, destacando que sua postura é condicionada à sua orientação religiosa, mas separando
Perguntada se era favorável ao casamento gay, Marina respondeu: “Quanto ao casamento, como sacramento, não. Como direito civil, sim”.
A postura de Marina foi criticada amplamente por seu maior adversário político dentro do meio evangélico, Marco Feliciano (PSC-SP). No Twitter, o pastor comentou a postura da ex-senadora: “Eu avisei [...] Precisa ser mais clara Marina, sem medo”, escreveu o pastor.
twitter marco feliciano
Marco Feliciano vem se posicionando contrário às ideias de Marina Silva desde que, em 2010 durante a campanha eleitoral, a ex-senadora adotou postura de separar a visão política de seus princípios religiosos em questões como aborto e casamento gay.
As críticas foram acentuadas pelo pastor quando, este ano, ele se tornou alvo dos protestos dos ativistas gays contrários à sua permanência à frente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM). À época, Marina afirmou que Feliciano não tinha histórico de luta por direitos humanos, e isso o desqualificava para o cargo, mas também ressaltou que boa parte das críticas ao pastor eram feitas pelo fato de ele ser evangélico, e isso, segundo ela, estava errado. Com informações Gospel+

22.10.13

O jogo político no meio evangélico.


por  DANIEL DANTAS LEMOS
Semanas atrás, a partir de alguns irmãos, recebi, em tons de alerta um vídeo do Youtube gravado em Campo Grande, durante um evento político, com uma senhora identificada como pastora, advogada, mestre em direito e educação, Damares Alves.

Fiz diversos alertas, a partir daí, quanto às iniciativas de construção de uma agenda conservadora - ou um modelo de país conservador para o Brasil.
Mais que isso me espantou a capacidade que muitos de meus irmãos têm de serem crédulos ao não discutirem uma ação política que se repete, eleição após eleição, desde 1989.  Os crentes são capazes de acreditar em tudo que se lhes fale, supostamente, em nome de Deus, ao que parece.
***
Vi há pouco, no Facebook, um texto assinado por Magali Nascimento Cunha, fiel da Igreja Metodista e doutora em Ciências da Comunicação, sendo pesquisadora e professora na UMESP.  Aqui, o Curriculum Lattes dela.  Apesar de se apresentar possuindo dois mestrados, Damares não tem currículo na Plataforma Lattes, o que é muito suspeito.
O texto da professora Magali responde a todas as mentiras e distorções apresentadas por Damares Alves.  É longo, mas o reproduzo a seguir (por meio de uma introdução publicada pela UMESP e um link onde o texto na íntegra pode ser acessado): Assessora da Frente Parlamentar Evangélica ataca governo federal em palestra e fornece argumentos para reações das igrejas a políticas públicas 

Leia matéria completa:

20.10.13

Abusador Sexual – quem é este monstro?

Outro dia apreciava um filme intitulado “O Monstro”, protagonizado por Roberto Begnini (o mesmo ator de “A vida é bela”), cujo roteiro descrevia as trapalhadas criadas quando o protagonista principal é confundido com um maníaco sexual que abusava sexualmente e depois matava suas vítimas. O filme trata de um tema delicado – abuso sexual e violência – de forma cômica e um tanto irreverente, mas nos trás à mente esta figura temível, em todo seu estereotipo – o abusador sexual! Exatamente sobre esta figura “temível” ‘que eu gostaria de refletir nas linhas abaixo.

O primeiro dado a ser apontado é que os estudos (não quero citá-los aqui, mas aos que desejarem posso enviar as referências por e-mail) nos revelam que a maioria das pessoas que cometem abuso sexual foram vítimas do mesmo na sua infância/adolescência. Este é um dado significativo, pois mostra em primeiro lugar que há uma correlação muito forte entre vítima/algoz. Não cito o dado estatístico no intuito de justificar o abusador, desresponsabilizando-o de suas ações e colocando-o no papel de “vítima inocente” reprodutora de um trauma da infância – longe de mim tal intento e, mesmo porque, o contrário não é verdadeiro, ou seja, nem todas as pessoas que sofreram abuso sexual em sua infância tornam-se abusadores. Todavia extraiamos algumas lições que a estatística nos ensina.

Em primeiro lugar, essa pessoa que parece a nós um monstro, algum dia esteve nas garras de um monstro similar. E que relevância tem este fato? Muita! Uma criança que é abusada sexualmente tem sua sexualidade despertada muito precocemente, fazendo com que sua perspectiva da sexualidade seja muito imatura, mesclando o prazer biológico com a culpa e a violência (emocional e mesmo física) com que foi iniciada sexualmente.

Desta forma, essa pessoa crescerá com uma visão negativa da sexualidade, desvinculando a mesma de todo o aspecto afetivo e relacional. Para ela, a prática sexual passa a ser vista como algo violento, impositivo e que, embora tenha um potencial muito alto de gerar prazer físico, está desvinculada do afetivo e do relacional. Quando tal pessoa torna-se adulta, ela vai reproduzir nos seus relacionamentos este modelo introjetado da vivência da sexualidade, ou seja, uma vivência violenta, desprovida de afeto e sem necessariamente ser resultado de um relacionamento significativo.

Em segundo lugar, alguns estudiosos do assunto afirmam também que uma criança abusada interrompe o curso natural de seu desenvolvimento psicossexual, ocorrendo uma espécie de “paralisação” deste desenvolvimento na idade em que sofreu o abuso. Assim sendo, os abusadores seriam pessoas imaturas sexualmente e que, portanto, estariam ainda buscando “parceiros sexuais” a quem pudessem dominar plenamente na relação, a fim de não lhes causar a ansiedade de serem dominados, rememorando os momentos de dor vividos em sua própria história.

Sabe-se que nem todas as crianças que foram abusadas sexualmente tornam-se, na idade adulta, abusadores de outras crianças, mas o fato certo é que grande parte das pessoas abusadas sexualmente em sua infância terão problemas no exercício de uma sexualidade saudável na idade adulta. Problemas como frigidez, sado-masoquismo e até algumas perversões sexuais têm em sua base o abuso sexual sofrido na infância. Também problemas que tecnicamente (CID) são denominados de “Transtorno de Maturação Sexual” e também “Orientação Sexual Egodistônica”.

Em base destas constatações clínicas pode-se perguntar: o que fazer quando se depara com uma pessoa com problemas nesta área? Será que o isolamento social, a punição legal, a rejeição, ajudariam a uma pessoa assim a solucionar seus problemas? Outra pergunta mais incisiva: Esta pessoa também é fruto do amor incondicional de Deus? A graça de Deus também alcança pessoas assim perversas que abusam de crianças indefesas?

Creio que primeiramente devemos afirmar nossa convicção que a graça de Deus atinge todas as pessoas em sua condição de pecadoras (Romanos 5:8). Desta forma temos que entender que Deus quer a reabilitação destas pessoas porque Ele as ama. Também entendemos que Deus quer que os cristãos, sejam seus instrumentos de restauração de vidas e de reconciliação das pessoas com Ele mesmo (II Coríntios 5:19-19). Portanto devemos superar nossos preconceitos pessoais e o errôneo entendimento de que há diferenciação de pecados diante de Deus, e nos dispormos a sermos instrumentos de reconciliação para aqueles que praticaram o abuso sexual.

Finalmente é importante afirmarmos que um problema tão sério como a questão de um abuso sexual não deve ser tratada com leviandade. É imperioso o entendimento que o abusador necessita de um tratamento profundo de sua alma! Uma pessoa experiente que possa estar acompanhando este abusador na “transformação de sua mente” (Romanos 12:2) – preferencialmente um profissional na área de psicologia e que já tenha algum manejo nestas questões de abuso sexual. Falo isto especialmente porque muitos cristãos hoje em dia têm se arvorado no direito de serem “experts” na área emocional e aplicam técnicas da chamada “cura interior” de forma acriteriosa em sem as habilidades necessárias para atingir o foco das questões, acabando por causar mais mal que bem.

Que Deus nos dê compaixão e sabedoria para acompanharmos tais pessoas e sermos instrumentos de restauração nestas vidas!

18.10.13

O SENHOR NUNCA ESQUECE


“Ouvindo Deus o seu gemido, lembrou-se da sua 
aliança com Abraão, com Isaque e com Jacó....” 
Ex 2.24-25





Quando as tempestades da vida nos açoitam, nossa tendência é olhar para as nuvens escuras e a fúria dos ventos. Muitas vezes, a sensação é que fomos apanhados desprevenidos. Onde ir? Para onde correr? Não há abrigo! Você já passou por isso? E quando o temporal parece mais um dilúvio que nunca se acaba! O que fazer? Será que há saída? O povo de Israel estava vivendo essa situação.

No momento dramático em que os hebreus estavam prestes a sucumbir, Deus, no entanto, preparava a libertação. Nas perplexidades da vida, no exato momento em que nos desesperamos, o Senhor prepara uma saída. O que nos parece o fim, não passa de uma pausa para um novo começo. Esta é a poderosa mensagem do primeiro capítulo de Êxodo. Ele não somente vê, como conhece todas as nossas circunstâncias.

Elas podem levar à conclusão humana de que Deus se esqueceu de nós, ou de que ele sofreu um lapso de memória acerca da nossa condição pessoal. Absolutamente não! O Senhor jamais se esquece de nós. Ele agirá no momento certo. Tão somente espere e descanse. Confie, pois ele já atentou para sua situação.


Bendito Deus, abençoa o meu coração e fortalece-me pelo poder do teu Espírito. Ajuda-me a atravessar os momentos de dificuldades, em nome de Jesus. Amém.


www.cadadia.com.br

15.10.13

COMO VIVER, PROVAR E USUFRUIR A CERTEZA DE QUE EM JESUS SOU UM HOMEM NÃO INTERROMPÍVEL?

O Caminho de Jesus é uma vereda para o mais profundo do coração do homem.

Portanto, não existe nenhum ambiente no qual o Evangelho possa ser provado se não no coração humano.

Além disso, o Evangelho só se manifesta como tal se além de acontecer no coração, ele for vivido e praticado com fé alegre e entregue.

Então ele dá os seus frutos, que são as promessas de vida e paz que Jesus afirmou que aquele que crê experimenta.

O Evangelho não é um pacote de doutrinas, mas um Encontro, do qual surge um novo modo de ser, o qual nasce de uma re-generação do ser; ou seja: de um re-gêneses humano; de um nascer de novo; que significa nascer da e na consciência de que Deus é amor; e, portanto, os que nasceram Dele, vivem para andar em amor que assim se expressa no trato total da vida.

E a grande força que nasce de tal internalização e transformação do olhar e do caráter, é a certeza de nossa não descontinuidade.

Ou seja: vive-se com a certeza que somos entes contínuos, não interrompíveis por nada; pois, para quem assim crê, com a morte da morte, acaba-se a descontinuidade.

Desse modo surge a inabalável confiança no coração de quem nada mais teme, pela certeza de que nada se perde, de que tudo se re-cria, e de que, em amor, tudo se transforma.

Então, para esses... Para esses que conhecem a Deus, basta-lhes a Graça de um dia o haverem conhecido.

Esses servem a Deus por nada.

Para eles tudo já está feito.

Sim, esses são prósperos até quando passam fome.

Caio Fábio

14.10.13

Fernando Haddad fecha igreja evangélica em SP

Vereadores do PSDB pretendem entrar com uma representação contra o prefeito Fernando Haddad o acusando de retaliação. O vereador Eduardo Tuma (PSDB) foi contra a proposta do aumento do IPTU e duas horas depois a igreja que ele lidera, a Igreja Bola de Neve da Pompeia, foi fechada pela prefeitura.

“Vemos aqui que temos a mais velha prática do chavismo ou do Regime Absolutista, onde ninguém pode discordar de um déspota. Fui vítima de retaliação”, disse Tuma.

O tucano faz parte da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara Municipal de São Paulo que nesta quarta-feira (9) estava votando sobre o projeto de aumento. Tuma pediu para retirar a pauta e ainda pediu vistas ao projeto que revisa o atual Plano Diretor.

Durante a sessão da CCJ houve bate-boca entre Eduardo Tuma e o líder do PT, o vereador Arselino Tatto, que quer manter tanto a proposta de aumentar o IPTU como o Plano Diretor. A resposta dessa confusão atingiu a vida particular do vereador que é pastor.

“Até o evento que eu vou fazer na igreja com 3.000 famílias no sábado, e que já havia sido autorizado pela Prefeitura, agora foi proibido”, se queixa.

O líder do PSDB, o vereador Floriano Pesaro, também acredita em retaliação e discorda dessa posição do prefeito. “Isso é um escândalo. É uma prática ditatorial como nunca vimos nesta cidade”.

Nesta quinta o tema foi debatido no plenário e os vereadores do PT negaram que a igreja foi fechada por conta de problemas políticos. “Já conversei com o João (Antonio, secretário de Relações Governamentais) e não aconteceu nada disso. Era uma fiscalização que já estava programada”, disse o vereador Alfredinho.

Tuma é líder da Frente Parlamentar Cristã da Câmara e teve apoio de outros vereadores evangélicos como Jean Madeira (PRB), David Soares e Sandra Tadeu (DEM).

A prefeitura se manifestou sobre o caso por meio de uma nota onde “repudia as insinuações de que as atividades de fiscalização possam sofrer interferências políticas”. Não informando o motivo para o fechamento a nota diz que o templo estava sendo fiscalizado desde 2012 e que o vereador estava ciente de que local poderia ser lacrado.

A Igreja Bola de Neve da Pompeia está localizada na Rua Turiassú, endereço da antiga sede da denominação que agora está localizada no bairro da Lapa onde antes funcionava a casa de shows Olímpia. 
Com informações Estadão

Cursos de Teatro da Ficc já apresentam bons resultados

A Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (Ficc) vem intensificando as ações do Programa de Arte e Cidadania (PAC), que se propõe a formar jovens agentes multiplicadores. Somente na área de teatro, a Ficc está executando seis cursos em bairros de Itabuna como Mangabinha, Sarinha, Santo Antônio dentre outros. Um deles está sendo realizado no Lar Fabiano de Cristo no bairro Jardim Primavera e ministrado pela jovem atriz Tacila Sousa, já apresentando bons resultados como os demais.
Tacila explica que aplica o teatro colaborativo como meio de trabalho, pois essa modalidade de ensino valoriza a contribuição de todos na construção da metodologia de aula, bem como na montagem de espetáculos. Ela está orgulhosa de fazer parte da utopia da construção de uma cultura de paz e tem consciência que isso é algo processual. A parte da agente Tacila ela realiza em cada encontro em que busca mudar a vida dos jovens que atende.
Quem está participando dos cursos, avalia-os positivamente em todos os aspectos. É o caso da estudante Eveline Gonçalves de 15 anos. Ela participa desde a primeira aula e comenta que desde criança sonha em ser atriz e viu no curso uma grande oportunidade de aperfeiçoar suas técnicas e habilidades artísticas. “Está valendo a pena, perdi minha timidez, melhorei meu jeito de ser e de me portar”, pontuou.
Jayne Feliciano tem 14 anos é estudante do ensino médio no colégio CETEP e junto com sua irmã Mayane de 10 anos viu no teatro uma chance de aprimorar o seu talento. “Estou satisfeita com o resultado, tenho adquirido conhecimentos, aprendido coisas que jamais imaginei”, comemora.
O Presidente da FICC, professor Roberto José adianta que a Fundação continuará investindo no projeto pois acredita ser este o caminho do processo de uma grande revolução cidadã, visando construir em Itabuna uma Cidade de Paz.
As aulas de teatro no Lar Fabiano de Cristo são às quartas-feiras, a partir das 15:30 e às quintas-feiras às 14 horas. Outras turmas estão sendo ministradas, na escola de capoeira Cordão de Ouro, na rua Rui Barbosa, 530-A as quartas e sextas-feiras, às 9 horas, e no Salão Paroquial da Igreja Maria Goretti todas as quartas, a partir das 16 horas.As inscrições podem ser feitas no local, ou na sede da Ficc, na Praça Laura Conceição, 339 (Praça da Catedral), no Centro.

Lindberg Farias (PT) vai a culto na ADVEC e recebe oração de Silas Malafaia

Lindberg Farias vai a culto na ADVEC
 e  recebe  oração de Silas Malafaia
A Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC) do bairro da Penha, Rio de Janeiro, recebeu neste domingo (13) a visita ilustre do senador Lindeberg Farias (PT-RJ) que participou dos dois cultos e pediu oração ao pastor Silas Malafaia.

Lindberg é candidato do PT para o Governo do Rio de Janeiro, mas durante as reuniões não comentou sobre sua candidatura. Malafaia, como líder da ADVEC, o chamou no púlpito e comentou com os fiéis da igreja que o senador havia lhe defendido diante das acusações de homofobia feita por ativistas gays.

O pastor assembleiano enfrentou diversas acusações por conta de seus posicionamentos em relação ao homossexualismo, por diversas vezes os ativistas do movimento gay tentaram incriminá-lo dizendo que suas opiniões estimulam a violência contra homossexuais e até editaram um vídeo para tentar acusá-lo.

Foi por defendê-lo que Lindberg ganhou a confiança de Malafaia, durante o culto o pastor afirmou que “sabe reconhecer” e que “é grato” com as pessoas que o defendem.

Farias não é o primeiro candidato a buscar o apoio político de Silas Malafaia, o atual governador do Rio, Sérgio Cabral, já buscou este apoio para poder se aproximar dos evangélicos. Mas por conta desta visita de Lindberg, muitos acreditam que o pastor assembleiano irá apoiá-lo. Com informações do Gospel Prime.

12.10.13

Pastor Marco Feliciano apresenta projeto de criação do Dia do Blogueiro

O pastor Marco Feliciano (PSC-SP) propôs a criação do Dia Nacional do Blogueiro num projeto de lei apresentado à Câmara dos Deputados.
A homenagem foi pensada em parceria com o deputado federal André Moura (PSC-SE), líder da bancada de seu partido.
Com um histórico de atrito com diversos blogueiros cristãos, o pastor Marco Feliciano justifica no projeto que a proposta é reconhecer a atividade exercida pelos blogueiros e dar a importância merecida a quem atua nas mídias digitais independentes.
Segundo o texto do projeto, os blogueiros “exercitam hoje a verdadeira liberdade de imprensa, merecem nosso respeito e reconhecimento e prestam um grande serviço à sociedade e à democracia”.
A data escolhida para homenagem foi o dia 07 de junho, quando também é comemorado o Dia Nacional da Liberdade de Imprensa, segundo informações do site Info.
O projeto será apreciado pelo plenário da Câmara, mas a data para discussões em torno dele ou votação ainda não foi definida.
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Juiz britânico quer acabar com juramento sobre a Bíblia

O juiz Ian Abrahams, da cidade de Bristol, está liderando um movimento entre os magistrados da Grã-Bretanha para que, nos tribunais, seja abolido o juramento em que réus e testemunhas afirmam com uma mão sobre a Bíblia que só vão dizer a verdade. Ele disse que, embora seja um procedimento tradicional, ninguém leva mais esse juramento a sério.

Abrahmas, que se criou na fé judaica e se tornou ateu, disse que, além disso, a extinção do juramento seria mais justo para quem não tem religião ou para os fiéis que não sejam cristãos.

A proposta do juiz será debatida pela Associação dos Magistrados e, se aprovada, será submetida ao Ministério da Justiça ainda este ano.

O que Abrahams propõe é que o juramento seja nestes termos: ““Prometo sinceramente dizer a verdade, toda a verdade e nada mais que a verdade. Entendo que se eu não fizer isso estarei cometendo um delito pelo qual posso ser punido e enviado para a prisão”.

O juiz afirmou que a reivindicação visa apenas abolir uma referência religiosa na Justiça e que não se trata de um movimento antirreligioso.

Para o bispo anglicano Michael Nazir-Ali, contudo, trata-se de mais uma iniciativa para expulsar Deus da Sociedade. “Onde isso vai acabar?”, indignou-se. “A Bíblia está ligada à Constituição, às instituições e à história deste país. Estamos sendo obrigados, em nome da tolerância e da secularização, abrir mão disso”.

O atual juramento, o “religioso”, consiste na afirmação “Juro por Deus Todo-Poderoso que irei dizer a verdade, toda a verdade e nada além da verdade”. Quem não for cristão poderá fazer o juramento sobre o livro sagrado de sua religião. Alguns juízes já não fazem questão da referência ao “Todo-Poderoso” e a presença da Bíblia.

O juiz aposentado e representante do primeiro-ministro em Salisbury, John Glen, disse que o movimento de Abrahmas “cheira a outra ideia louca em nome do politicamente correto”.
Com informação das agencias.
Fonte: Paulopes

10.10.13

UNICEF pede ajuda a líderes religiosos para barrar casamentos infantis

A perspectiva é que em dez anos sejam mais de 100 mil crianças casadas antes de completar 18 anos no Nepal

Do Gospel Prime
Líderes de diversas religiões no Nepal foram procurados por ativistas defensores dos direitos de crianças que querem impedir os casamentos infantis que estão se alastrando pelo país.

Estudos do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) indicam que no Nepal 11% da população menor de 14 anos já está casada e 29% das meninas entre 15 e 19 anos têm marido. Os dados são preocupantes para esses ativistas que estão em alerta para a quantidade de casamentos infantis que estão acontecendo no Sul do país.

A agência EFE conseguiu entrevistar uma jovem de 16 anos que está casada, a união aconteceu para livrar a mãe viúva dos problemas financeiros. Babita Paswan mora no distrito de Rautahat e não pode escolher se queria ou não se casar.

Ao falar sobre a importância do posicionamento dos religiosos sobre o tema Hanaa Singer, representante do UNICEF no Nepal, explica que esses líderes “são as pessoas mais poderosas em nível de comunidade” e que eles conhecem “a linguagem do coração”.

Entre os líderes procurados houve troca de acusações, Ram Chandra Bhandari, um guru do hinduísmo, acusa os muçulmanos de terem levado a prática do casamento infantil para o Nepal nos séculos XII e XIII.

“Os Vedas (escrituras milenárias hindus) guardam silêncio sobre os casamentos infantis mas dizem que as pessoas deveriam se casar após estarem capacitadas”, disse ele. O guru que representa a religião predominante do Nepal diz que o conselho é se casar depois dos 24 ou 25 anos.

Mas o imã Nazrul Hussain, representante do islamismo, diz que a prática não é apoiada por sua religião. “Segundo o islã os objetivos do casamento só podem ser conseguidos como adultos.”

A ativista da UNICEF acredita que independente dos culpados é preciso impedir que a prática seja disseminada, principalmente diante dos riscos de gravidez em adolescentes com menos de 15 anos. Singer alerta que nesse grupo as chances de morte durante o parto é 15 vezes maior.

Hanna tem em mãos um estudo do Centro Internacional de Pesquisa de Mulheres que alerta sobre o crescente número de casamentos infantis, se continuar seguindo este ritmo em uma década 100 milhões de pessoas estarão casadas antes dos 18 anos. Com informações Terra.Líderes de diversas religiões no Nepal foram procurados por ativistas defensores dos direitos de crianças que querem impedir os casamentos infantis que estão se alastrando pelo país.

Estudos do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) indicam que no Nepal 11% da população menor de 14 anos já está casada e 29% das meninas entre 15 e 19 anos têm marido. Os dados são preocupantes para esses ativistas que estão em alerta para a quantidade de casamentos infantis que estão acontecendo no Sul do país.

A agência EFE conseguiu entrevistar uma jovem de 16 anos que está casada, a união aconteceu para livrar a mãe viúva dos problemas financeiros. Babita Paswan mora no distrito de Rautahat e não pode escolher se queria ou não se casar.

Ao falar sobre a importância do posicionamento dos religiosos sobre o tema Hanaa Singer, representante do UNICEF no Nepal, explica que esses líderes “são as pessoas mais poderosas em nível de comunidade” e que eles conhecem “a linguagem do coração”.

Entre os líderes procurados houve troca de acusações, Ram Chandra Bhandari, um guru do hinduísmo, acusa os muçulmanos de terem levado a prática do casamento infantil para o Nepal nos séculos XII e XIII.

“Os Vedas (escrituras milenárias hindus) guardam silêncio sobre os casamentos infantis mas dizem que as pessoas deveriam se casar após estarem capacitadas”, disse ele. O guru que representa a religião predominante do Nepal diz que o conselho é se casar depois dos 24 ou 25 anos.

Mas o imã Nazrul Hussain, representante do islamismo, diz que a prática não é apoiada por sua religião. “Segundo o islã os objetivos do casamento só podem ser conseguidos como adultos.”

A ativista da UNICEF acredita que independente dos culpados é preciso impedir que a prática seja disseminada, principalmente diante dos riscos de gravidez em adolescentes com menos de 15 anos. Singer alerta que nesse grupo as chances de morte durante o parto é 15 vezes maior.

Hanna tem em mãos um estudo do Centro Internacional de Pesquisa de Mulheres que alerta sobre o crescente número de casamentos infantis, se continuar seguindo este ritmo em uma década 100 milhões de pessoas estarão casadas antes dos 18 anos. Com informações Terra.

8.10.13

Pastor atrai fiéis pelo poder da ‘lipoaspiração divina’

O pastor Cesar Peixoto, de 54 anos, atrai fiéis para sua Igreja Cristo Verdade que Liberta, em São Roque do Canaã, no interior do estado do Espírito Santo (ES), por causa da “lipoaspiração divina”. Por meio da fé, ele consegue reduzir medidas ou simplesmente fazer as pessoas se sentirem mais leves.

Segundo reportagem do jornal O Estado de São Paulo, publicada na sexta-feira (5), a cirurgia imaterial envolve os seguintes procedimentos: primeiro o religioso exclama “Quem vai te operar é o Espírito Santo”; em seguida, observa “Preciso de anjos para realizar a lipo espiritual. Cura a hipófise, o hipotireoidismo, os hormônios desequilibrados, quebra a maldição genética que faz essas pessoas gordas, meu Deus! Emagrece! Emagrece!” e assopra; por fim, clama “Recebe o sono profundo!”. Alguns então dormem intensamente.

Cesar explica que sua atuação tem base bíblica: Deus, quando arrancou a costela de Adão para criar Eva, fizera a primeira operação espiritual. Ele defende a importância da sua atuação: “A obesidade é uma doença. Mata 40% mais que a aids no mundo”. O religioso não cobra nada pelo trabalho.

Até a adolescência e a juventude, o atual pastor era católico e se converteu, após um namoro com uma moça evangélica que o fez questionar vários pontos da sua primeira religião, como a adoração de imagens e de santos. Estudou teologia no Instituto Teológico Monte Calvário, no Rio de Janeiro (RJ).

O “dom” do emagrecimento aconteceu depois de orar por 40 dias consecutivos em um lugar distante no município de Conselheiro Lafaiete no interior de Minas Gerais (MG).

Ele faz parte da Cristo Verdade que Liberta, ministério evangélico fundado em Belo Horizonte (MG), em 1964. “A Cristo não é diferente de outras Igrejas evangélicas. Somos como a Quadrangular, como a Universal: acreditamos que os milagres que Jesus fez no passado ele pode fazer hoje”, diz Peixoto, que contabiliza que sua denominação cristã tem cerca de 3 mil Casas da Bênção (templos), inclusive com algumas unidades internacionais nos EUA, em Portugal, em Angola e na África do Sul. A sede, com capacidade para 10 mil fiéis, fica em Brasília (DF).
Com iformações The Christian Post.

5.10.13

Marina decide se filiar ao PSB para concorrer em 2014

CAMPOS CORRE POR FORA E FECHA ACORDO COM MARINA
A ex-senadora Marina Silva decidiu se filiar ao PSB do governador Eduardo Campos (PE). A decisão foi tomada após conversas iniciadas na noite de ontem e concluídas na manhã deste sábado (5).

Assim como Marina, Campos é virtual candidato à Presidência da República. Há, entretanto, um desejo do PSB de ter a ex-senadora, que recebeu 19,6 milhões de votos na disputa presidencial de 2010, como vice na chapa do governador.

Marina e Campos também negociam com o PPS sua adesão ao projeto. O partido foi uma das legendas que ofereceu abrigo a Marina após o veto da Justiça Eleitoral ao partido que ela tentou organizar, a Rede Sustentabilidade.

A união entre Marina e Campos tem o objetivo de formar uma consistente terceira via na corrida ao Planalto, em contraposição à candidatura à reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT) e à postulação do oposicionista Aécio Neves (PSDB). Com informações da Folha

"NÃO QUERO AJUDAR UM ATIVISTA GAY A SE ELEGER"

Bahia 247

Famoso Brasil a fora por suas declarações contra os homossexuais, o deputado Pastor Sargento Isidório avalia que sua permanência no PSB é insustentável e está anunciando que vai se filiar ao PSC, do amigo e ídolo Marco Feliciano, deputado federal por São Paulo e presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara.

Autodeclarado "ex-gay", "ex-bandido" e "ex-drogado", Isidório alega que não pode continuar no PSB porque o presidente do Grupo Gay da Bahia (GGB), Marcelo Cerqueira, se filiou ao partido com aval da líder maior socialista no estado, a senadora Lídice da Mata. O dirigente da entidade homossexual será candidato a deputado estadual em 2014.

"Estou em processo de saída. Minha vontade primeira era ficar, mas, apesar de eu gostar muito dela (Lídice) e respeitar, ela fortaleceu o homossexual. Eu não quero ajudar a eleger um ativista gay", disse Isidório em entrevista ao site Bahia Notícias. Isidório também está chateado porque teve negado o pedido de criação de uma ala heterossexual no PSB.

Ele ainda não assinou sua ficha de filiação ao PSC, o que deve acontecer neste sábado, porque teme que o PSB abra processo de perda de mandato. Isidório está esperando uma saída "pacífica" ou "divina".

O deputado se diz injustiçado e discriminado e que sofreu "constrangimento da fé" depois de a senadora ser "pressionada" pelo GGB a ampliar o espaço ao ativismo gay.

"Não posso estar em uma legenda em que não posso ir de encontro ao homossexualismo. Quero ter liberdade para defender o que eu acredito. Não que eu seja discípulo do pastor Marco Feliciano, mas tinha ativista gay que não queria que ele descesse no aeroporto. Que democracia é essa? Temos que respeitar a área de culto. Se tem tendência de gay, tem que ter tendência de preservação da espécie".

Isidório ainda é alvo de processo disciplinar no PSB por ter dito que há muitos "viados e viadas" querendo que ele deixe o partido. Ele afirma que não há como recuar das suas convicções.

"Não tenho como recuar. Homem é homem e mulher é mulher. Não tem conversa. Quero ver homem menstruar. Tem preservação de macaco, tartaruga, baleia, por que não criar a defesa da preservação da espécie? Não vou deixar homem montar em homem e mulher roçar em mulher sem defender a minha tese. Se tiver de perder o mandato, perco o mandato, mas não perco minha dignidade". Com informações do Brasil 247

4.10.13

Nova música de Katy Perry fala sobre a Graça de Deus

A cantora é filha de pastores e iniciou  sua carreira no gospel,
 mas com o tempo acabou saindo da igreja
Uma faixa do novo CD da cantora Katy Perry tem feito com que alguns fãs afirmem que ela está voltando para as suas raízes religiosas. Filha de pastores evangélicos, a jovem iniciou sua carreira como cantora gospel, mas com o tempo acabou escolhendo caminhos bem diferentes.

A canção que tem levantado esta questão é “By the Grace of God” [Pela Graça de Deus - tradução livre] onde a cantora revela que precisou lutar contra pensamentos suicidas.

A música começa com a cantora dizendo que estava deitada no chão do banheiro lutando contra os pensamentos de morte. Em entrevista à revista Billboard a cantora diz que escreveu a música sobre o que estava sentindo depois de se divorciar do comediante Russel Brand.

“Essa música deixa claro o quão difícil realmente estava em um certo ponto [após divórcio]. Perguntei a mim mesma: ‘Eu quero resistir? Devo continuar a viver?’”, disse Katy Perry.

A resposta da cantora de 28 anos foi que só conseguiu se levantar “pela graça de Deus”, daí o nome da música. “Todas as minhas canções são baseadas em minha vida real… Digo aos meus fãs, se eles querem saber a verdade sobre mim, basta ouvir minhas músicas.”

O refrão da canção diz: “Pela graça de deus/Não havia outra maneira/Eu me recuperei/Eu sabia que tinha que ficar/Coloquei um pé na frente do outro/Me olhei no espelho e decidi ficar”

“By the Grace of God” faz parte de seu mais novo CD “Prims” que será lançado em 22 de outubro com outras faixas escritas pela própria Katy. “Todas as canções são sobre momentos da vida real. Só posso escrever autobiografia. Digo aos meus fãs, se eles querem saber a verdade sobre as coisas, é só ouvir as músicas”, disse a cantora.

Mas ao contrário do que os fãs possam pensar, Katy Perry não voltou a frequentar a igreja, ela disse em entrevista que tem se recuperado dos problemas que o divórcio lhe trouxe com a ajuda da Meditação transcendental e terapia. Outras faixas do disco mostram referências de auto-ajuda e crenças astrológicas como nas canções “Spiritual” e “Legendary Lovers”.

Com informações Gospel Prime

2.10.13

Precisamos Ser Útil ao Senhor

Em sua orientação ao discípulo Ananias, o Senhor disse que Saulo seria um vaso escolhido e útil para fazer Seu Nome conhecido entre todos os povos (At 9:15). Qualquer servo de Jesus deve se preocupar em fazer a vontade de Deus da forma que Ele estabeleceu e não da nossa e também fomos chamados para sermos vasos de misericórdia, conforme registrado em Rm 9:23-24: “a fim de que também desse a conhecer as riquezas da sua glória em vasos de misericórdia, que para glória preparou de antemão, os quais somos nós, a quem também chamou, não só dentre os judeus, mas também dentre os gentios?”

Na Igreja do Senhor, na Grande Casa,visível aqui na Terra, podemos perceber quatro tipos de vasos que podem ser iguais ou não na aparência e formato, mas o só o Senhor pode identificar a essência e conteúdo. Resumidamente vamos ver esses quatro tipos de vasos, conforme registrado em II Timóteo 2:20: “Ora, numa grande casa não há somente vasos de ouro e de prata; há também de madeira e de barro. Alguns, para honra; outros, porém, para desonra”. Esses tipos de vasos são tão atuais que até nos impressiona a profundidade da revelação bíblica e nos leva a refletir que tipo de vaso somos na presença de Deus?

Antes de continuar, quero, deixar claro que o que o apóstolo Paulo disse a jovem pastor Timóteo no versículo acima (II Tm 2:20) se refere à vida normal da Igreja, a uma reunião normal em um dia de culto, ao ajuntamento solene; onde há vasos das mais diversas formas e materiais (crentes e descrentes, salvos e perdidos, bons e maus, trigo e joio). Na Igreja de Jesus, Imaculada e Invisível, só há apenas vasos de honra.

Devemos estar à disposição de Jesus, como vasos de honra para sermos usados por Ele e somente Ele deve encher esses vasos com o conteúdo mais importante do Universo – a maravilhosa Presença do Espirito Santo.

Pelo simples fato de sermos vasos escolhidos pelo Senhor para diferentes obras em Seu Eterno Proposito, devemos depender unicamente dEle, tendo em mente que o que diferencia um vaso de honra de um vaso de desonra não é o seu material primário, sua aparência, se ele é de ouro ou de barro, mas o seu conteúdo e a forma como ele é utilizado.

Não é o ser vaso de ouro e prata que torna o homem vaso para honra. E não é o ser vaso de pau e barro que torna alguém vaso para desonra. O importante é o uso, o conteúdo e a essência. Leia mais...

1.10.13

A FORÇA DA ALEGRIA


“...portanto, não vos entristeçais, 
porque a alegria do Senhor é a vossa força.”
Ne 8:10b

O caminho para a reconstrução dos muros de Jerusalém havia estado repleto de obstáculos. O povo teve que lutar contra rumores, divisões, oposição e fadiga. Eles haviam sentido o forte desejo de desistir da tarefa que tinham pela frente: tiveram a tentação de jogar a toalha. Um situação difícil é mais que propícia ao desânimo, terra fértil para que a ansiedade se instale em nossos corações.

Convicto dessa realidade, o cristão não engana a si mesmo quanto a seus sentimentos. No entanto, sabe que estes devem ser tratados imediatamente para não afetar a vida espiritual. Jesus, como Neemias, sabia que era essencial reavivar a alegria, pois esta é a fortaleza do homem espiritual. Sua agonia no Getsêmani não terminou enquanto ele não se recuperou.

Foi fortalecido “pelo gozo que lhe estava proposto para suportar a cruz” (Hb 12.2). Este tipo de gozo não é um sentimento, senão uma convicção espiritual. As circunstâncias podem ser adversas, porém o gozo chega quando conseguimos tirar os olhos das coisas que se veem e olhamos firmemente na direção das coisas que se não veem (2 Co 4.18).

Senhor, as dificuldades e aflições não podem substituir a alegria da tua presença em meu coração. Transborda-me com o teu gozo. Em nome de Jesus, amém.

www.cadadia.com.br