Papa Francisco: Visita ao Brasil custará R$ 118 mi aos cofres públicos

A visita do papa Francisco ao Brasil de 23 a 28 de julho, durante a 26ª Jornada Mundial da Juventude, custará aos cofres dos governos federal, estadual e municipal do Rio pelo menos R$ 118 milhões.

O governo federal terá o gasto de R$ 62 milhões — desse total, R$ 30 milhões serão com a segurança do papa. Só com o transporte por um avião Hércules da Força Aérea de dois papamóveis do Rio para o Santuário de Aparecida (SP) custará cerca de R$ 1 milhão.

Dos cofres do Estado e da prefeitura do Rio sairá aproximadamente o total de R$ 56 milhões, segundo o “Globo”. 

Não há informação sobre quanto a Igreja Católica vai gastar com a visita do papa e a realização da Jornada. 

Com a inscrição dos participantes nesse evento, de acordo com estimativa do governo, a Igreja arrecadará R$ 140 milhões, se obtiver 450 mil adesões. 

Pelas projeções da própria Igreja, contudo, o número de participantes será no mínimo de 800 mil, o que dará uma arrecadação de cerca de R$ 300 milhões. Entre outros gastos, a Igreja arcará com a hospedagem dos peregrinos. 

Além de milhares de PMs, a visita do papa mobilizará 9 mil homens das Forças Armadas e 1.700 da Força Nacional. Em Guaratiba (Rio), onde haverá a vigília missa campal, a Força Nacional empregará 1.500 homens, que se somarão aos 2 mil seguranças privados contratos pela Igreja. 

Os R$ 118 milhões dariam para construir 2.360 casas populares, ao custo de R$ 50.000 por unidade.

Fonte: Paulopes

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A UNIÃO ENTRE OS IRMÃOS

O Conflito entre Israel e os Palestino à Luz da Bíblia

Mateus 6:16-18