10.8.12

PORTA DAS ÁGUAS


“Quem crer em mim, como diz a Escritura, 
do seu interior fluirão rios de água viva.” 
Jo 7.38

Neemias fala da porta da fonte (Ne 3.15) Esta porta ficava ao sul de Jerusalém, perto do tanque de Siloé. A Porta da Fonte representa para nós a necessidade da presença do Espírito Santo, porque no deserto a água é ainda mais indispensável para a vida. Por isso é importante que estejamos buscando esta fonte, que é Jesus, pois ele nos dará a água da vida, que é o Espírito Santo. “Jesus disse: “Se alguém tem sede, que venha a mim e beba.” (Jo 7.37-39). O profeta Jeremias diz: “Porque o meu povo fez duas maldades: a mim me deixaram, o manancial de águas vivas, e cavaram cisternas rotas, que não retêm as águas”. 

Israel havia deixado a Deus para cavar as suas cisternas, tentando saciar a sede de sua alma em outros lugares. Hoje também existem muitas fontes nas quais o homem tem procurado beber. As águas dessas cisternas são inúteis para saciar a sede da alma, pois não curam as enfermidades do espírito. Disse Jesus: “Qualquer que beber desta água tornará a ter sede…” (Jo 4.13,14). Jesus, e somente ele, a fonte da água da vida, por isso é inesgotável.

ORE


Pai amado, é maravilhoso entender, receber e ler do Senhor, através das Escrituras, que existe uma fonte a jorrar na minha vida para toda a eternidade. Em nome de Jesus. Amém!

Nenhum comentário: